O absenteísmo em um consultório médico é um dos problemas mais críticos na gestão. A falta de pacientes ocasiona transtornos assistenciais, logísticos e gerenciais, o que pode comprometer a sustentabilidade da empresa.

Por isso é fundamental descobrir os motivos da ausência dos pacientes nas consultas, buscar alternativas para resolver essa situação ou programar previamente ferramentas para evitar essas adversidades.

Nesse sentido, cabe ao gestor entender as razões da falta na consulta, bem como considerar as estratégias mais interessantes. Dessa forma, será possível contornar essas questões de modo inteligente e prático.

Quer saber o que pode estar acontecendo quando o paciente falta na consulta? Então, acompanhe essas informações e as dicas para minimizar essa situação!

1. Desorganização

Um paciente que marca uma consulta médica deve armazenar essa informação em local de fácil acesso a ele, seja em uma agenda física, via telefone celular ou outro aparelho eletrônico. Além disso, esse compromisso deve se encaixar na rotina do paciente.

Porém, essa situação nem sempre acontece. Muitos indivíduos agendam as consultas e se esquecem de registrar essa informação. Ou, quando percebem, já marcaram compromissos nesse mesmo dia/horário.

Outros motivos são aqueles em que o retonho da consulta é marcado no dia do comparecimento ao médico, porém em um período mais longo, o que facilita o esquecimento do indivíduo.

2. Imprevistos “previsíveis”

Muitos pacientes relatam que se esquecem de uma consulta médica porque ocorreram imprevistos que o impediram de avisar com antecedência. Todavia, alguns acontecimentos deviam ter sido relatados previamente.

Entende-se por imprevistos aqueles em que aconteceram por razões meteorológicas, questões médicas emergenciais, manifestações populares marcadas inesperadamente e outras que impeçam o deslocamento do individuo.

Contudo, alguns pacientes relatam como imprevistas situações que poderiam ter sido resolvidas a tempo de comparecer na consulta. Para esses motivos fúteis, algumas providências por parte da clínica devem ser apuradas.

3. Sala de espera lotada

Assim como as questões externas são condições para absenteísmo do paciente, outros motivos relacionados à cultura organizacional da empresa também devem ser considerados. Esse é o caso da sala de espera lotada.

Essa situação pode refletir a falta de organização da empresa como o intervalo muito pequeno entre as consultas, sala de espera desconfortável para os indivíduos, número inferior de médicos para atender a demanda crescente, ausência de prontuário eletrônico, dente outras possibilidades.

Esse cenário é um problema que passa a impressão de pouca produtividade na empresa e desorganização dos procedimentos, causando perda da satisfação dos pacientes, que perpetuam essa informação para seus contatos.

A consequência disso é a falta de pacientes e, posteriormente, uma grande quantidade de “buracos” na agenda, situação que pode comprometer significativamente a assistência e a sustentabilidade financeira da empresa.

4. Desrespeito com a marcação

Muitos pacientes desrespeitam as normas relacionadas a marcação de consultas pois fazem o agendamento e ignoram o fato. Os motivos se referem ao esquecimento ou por não considerarem o retorno da consulta algo importante.

Nesse sentido, é importante estabelecer políticas de cancelamento para selecionar aqueles pacientes que valorizam o horário com o profissional clínico, além de avaliar a possibilidade de manter os indivíduos que já faltaram algumas vezes sem aviso prévio.

Os motivos envolvidos quando o paciente falta na consulta se referem às questões individuais e organizacionais. Em um primeiro momento, pode-se relacionar a desorganização do doente, e relato de imprevistos contornáveis. Todavia, existem também fatores que estão relacionados ao gerenciamento das clínicas, tais como sala de esperas lotadas, falta de um software que tenha lembretes de consultas, falta de análise do número de absenteísmo dos pacientes etc.

Sendo assim, é fundamental identificar os motivos de falta e programar condutas que resolvam esse transtorno. Por isso, confira também três soluções para evitar que os pacientes faltem e tenha muito mais controle sobre a agenda da clínica!