Conseguir reduzir os gastos totais da empresa é essencial para que ela possa garantir sua perenidade. Existem diversos meios de chegar a esses resultados e, no artigo de hoje, listamos 5 dicas de como cortar custos e otimizar os recursos da sua clínica — além de aumentar a lucratividade. Confira!

1. Faça uma avaliação do orçamento

O primeiro passo para saber como cortar custos de forma eficaz, é fazer uma avaliação do orçamento atual. Com o detalhamento dos gastos é possível saber como cada um deles impacta na receita e quais são as oportunidades de melhorias.

Dessa forma, fica mais fácil elaborar um planejamento e identificar quais são as prioridades e as primeiras ações a serem adotadas. 

2. Planeje a redução de custos

Mais importante do que cortar custos, é saber como diminui-los e evitar que a redução afete a qualidade dos serviços prestados na clínica — o que impacta diretamente na satisfação dos pacientes.

Portanto sempre que uma oportunidade de corte for encontrada, é preciso avaliar quais serão as possíveis consequências e se a mudança é viável.

3. Estimule o consumo consciente

Outro ponto fundamental para a gestão de custos é envolver a equipe e conscientizando-a da importância que os hábitos de economia tem para os resultados. Como consumo consciente, pode-se promover a redução de gastos com papel (evitando imprimir e-mails e documentos sempre que possível e utilizando rascunhos para anotação), redução de copos descartáveis por meio do uso de garrafinhas, desligar as luzes e o computador no fim do dia.

Esses são apenas alguns dos hábitos que podem ser adotados, trazendo mudanças na rotina que ajudem a diminuir os gastos. Mesmo que a redução seja pouca, comparada a outros aspectos, em longo prazo acumula um valor considerável, além de estimular o cuidado com as contas da empresa — que é benéfico para todos os envolvidos.

4. Renegocie com fornecedores

O pagamento de fornecedores representa um grande valor do faturamento mensalmente. Em tempos em que o objetivo é cortar custos, vale a pena se reunir com fornecedores e tentar renegociar melhores preços e condições de pagamento.

Vale, também, realizar cotações com outras empresas, buscando preços mais competitivos — desde que não haja uma mudança considerável no padrão de qualidade, de forma que afete os serviços e a satisfação dos clientes.

5. Invista em tecnologia

A modernização da clínica, além de melhorar a imagem e aprimorar as rotinas de trabalho, automatizam as atividades, garantem mais confiabilidade às informações, proporciona aumento da produtividade e torna os processos mais ágeis.

Nesse sentido, vale investir em um software de gestão, sistema para agendamentos de consultas e emissão de laudos, por exemplo. Assim, além de auxiliar na redução dos custos, essas ferramentas garantem mais rapidez e assertividade nas atividades realizadas.

Quando o objetivo é identificar como cortar custos, vale a pena mapear as atividades, identificar os desperdícios e os problemas que fazem com que o gasto seja maior do que o necessário para manter as operações e oferecer qualidade para os clientes. Portanto, cabe ao gestor a parte de planejamento e engajamento da equipe nas melhorias aplicadas.

O que achou do artigo de hoje? Aproveite para saber como o laudo a distância pode proporcionar benefícios para sua clínica!

 

Facebook Comments